Divorciados fazem mais sexo


Uma pesquisa realizada pelo jornal Britânico The Sunday Telegraph, com cerca de 1800 participantes, indica que os divorciados tendem a ter mais relações sexuais do que os casados ou solteiros.

Cerca de 68% dos divorciados têm relações sexuais de seis a 20 vezes por mês - uma proporção maior do que entre os casados (44%), solteiros (38%) ou casais em união (43%). De acordo com a pesquisa, as pessoas casadas fazem sexo, em média, nove vezes por mês e cerca de 11% dos divorciados chegam a ter relações sexuais mais de 21 vezes por mês.

Os investigadores referem que o stress laboral e familiar também é responsável pela frequência sexual, uma vez que, os aposentados têm duas vezes mais relações sexuais do que pessoas mais jovens que trabalham.

Cerca de 34% dos britânicos disse que a melhor fase de sua vida sexual foi entre os 25 e 34 anos, enquanto que 23% disseram que foi entre 18 e 24 anos.

A confiança foi considerada o aspecto mais importante de um relacionamento - mais do que companheirismo ou estabilidade financeira. No total, um quarto dos participantes disseram que foram infiéis aos parceiros. O sexo ficou em quinto lugar.
Enviar um comentário