10 curiosidades sobre a vagina



1 - Durante a excitação, os pequenos lábios, que contêm tecido erétil, enrijecem. O motivo é que até às primeiras seis semanas, do desenvolvimento fetal, o tecido que se irá transformar em gónadas é indiferenciado, ou seja ainda não está definido se aquele feto será feminino ou masculino. É a presença de um gene no cromossoma Y, conhecido como SRY, que fará com que a esta gónada indiferenciada, se transforme em testículos e o feto se desenvolva como masculino, caso contrário desenvolvem-se ovários e teremos um feto feminino.

2 – A lubrificação vaginal e o óleo de fígado de tubarão contêm um composto orgânico chamado esqualeno. O composto dos tubarões costuma ser utilizado em hidratantes e cremes para a pele, nos quais atua como um emoliente.

3 – Ao escolher um lubrificante prefira os de silicone, pois duram muito mais tempo e não contêm propilenoglicol, que é um potencial irritante, presente na maioria dos lubrificantes de base aquosa. No entanto, os lubrificantes de silicone podem comprometer a integridade dos vibradores e outros brinquedos sexuais que também contêm silicone, e pode levá-los a mudar de forma ou quebrar.

4 - Durante anos os cientistas têm tentado encontrar um uso clinicamente útil para o sangue menstrual, que contém células-tronco com a capacidade de regeneração. Atualmente, essas células são testadas para a possibilidade de ajudar os pacientes com insuficiência cardíaca.

5 - A remoção de pêlos na zona da virilha pode causar pequenos cortes que, apesar de não doerem, abrem espaço para infecções.

6 – Durante a penetração podem existir microtraumas no tecido interno, facilitando a transmissão de infeções sexualmente transmissíveis.

7 – Apesar de algumas mulheres se sentirem constrangidas com a presença do suor vaginal este tem uma função importante. Logo abaixo da pele dos lábios e do clítoris, há centenas de pequenas glândulas que secretam óleo e suor que protegem a área íntima de atrito e sobreaquecimento.

8 - É normal a presença de corrimento nas mulheres, antes de entrarem na menopausa. A vagina pode produzir cerca de uma colher de chá de corrimento por dia, que muitas vezes é branco ou transparente e inodoro. Pouco antes da fase de ovulação do ciclo menstrual, o corrimento é mais aguado e elástico.

9 - Se não aparar os pêlos púbicos estes não ficam compridos como os cabelos. É que a fase de crescimento destes pêlos é muito menor que os do cabelo, além de que o atrito com a roupa provoca quebras frequentes.

10 - O tamanho dos pequenos lábios varia em cada mulher.



Adaptado do original de:
Enviar um comentário